Bilheteria USA de Natal: Os Miseráveis musical bate “O Hobbit” e estreia em primeiro lugar

O Natal trouxe bilheterias fartas para os estúdios de Hollywood. As duas estreias no dia 25 de dezembro faturaram alto nos Estados Unidos, com o musical Os Miseráveis (Les Miserábles) liderando o ranking. O filme, em 2808 cinemas, fez US$ 18 milhões, média de US$ 6,4 mil por sala. Com Hugh Jackman, Anne Hathaway e Russell Crowe  no elenco, a produção obteve notas altas do público, o que deve assegurar seu boca-a-boca nos próximos dias.
Na segunda posição, Django Livre (Django Unchained) foi lançado com grande controvérsia. O uso de termos depreciativos para a raça negra ("nigger" é falado mais de 100 vezes) e a violência (já esperada em filmes de Quentin Tarantino) são assunto na mídia há mais de uma semana, obviamente aumentando a abrangência do filme. O resultado foi uma performance acima do esperado para o faroeste, que deve bater o recorde de estreia para um filme censura 18 anos no fim do ano. Foram US$ 15,5 milhões em 3010 cinemas, valor altíssimo para uma produção com essa classificação etária.
Na terceira posição, O Hobbit - Uma Jornada Inesperada fez mais US$ 10,8 milhões, seguido pelo estreante Uma Família em Apuros, com Billy Crystal e Bette Midler, com US$ 7 milhões.
Calendário de Estreias nos Cinemas:  Uma Família em Apuros (11 de janeiro), Django Livre (18 de janeiro) e Os Miseráveis (1 de fevereiro).

Fonte: Omelete

Comentários

Postagens mais visitadas