Filme brasileiro leva prêmio da crítica internacional no Festival de Berlim

Da EFE

Cena do filme 'Hoje eu quero voltar sozinho' (Foto: Divulgação)
Cena do filme 'Hoje eu quero voltar sozinho' (Foto: Divulgação)
O filme brasileiro "Hoje eu quero voltar sozinho", de Daniel Ribeiro, ganhou nesta sexta-feira (14) o prêmio da Federação da Crítica Internacional, (Fipresci), na seção Panorama do Festival de Berlim. O filme do francês Alain Resnais "Aimer, boire et chanter" (Amar, beber e cantar, em tradução livre) foi premiado pela crítica entre os concorrentes da competição oficial.
O filme de Daniel Ribeiro narra a luta de Leonardo, um jovem cego de 15 anos, interpretado por Guilherme Lobo, que procura ser independente em uma sociedade superprotetora.
A chegada ao colégio de um novo colega despertará nele sentimentos desconhecidos, mas também os ciúmes de quem sempre foi sua amiga e confidente. Ribeiro adota essa dupla temática: a deficiência visual e a homossexualidade.
Já longa do veterano diretor francês, que toma o formato de teatro filmado, tem na tela vários rostos frequentes do cinema francês, entre eles Sabine Azéma e André Dussoller.
O argumento gira em torno de três casais amigos e as situações que surgem entre eles diante da morte do sétimo personagem, um eterno galã que cortejou e segue cortejando as três esposas.
Os prêmios Fipresci foram entregues, como já é habitual, na véspera da cerimônia final da Berlinale, que acontece neste sábado (15), quando o júri, presidido pelo produtor americano James Schamus, divulgará os ganhadores dos Ursos.

Comentários

Postagens mais visitadas