Windows 10 não será gratuito para quem usa Windows pirata

Desde que a Microsoft anunciou que o Windows 10 seria uma atualização gratuita para os consumidores, muitos ficaram com uma dúvida pairando sobre suas cabeças... “Será que o sistema operacional será gratuito para todos?”. Essa dúvida foi alimentada pela possibilidade de a Microsoft estar tentando legalizar a grande quantidade de computadores que usam o sistema pirata, mas hoje a resposta oficial surgiu para mudar isso.
De acordo com a própria desenvolvedora, o Windows 10 só será gratuito para quem possui versões já legalizadas do Windows 7, Windows 8 ou Windows 8.1. Mas é preciso mencionar também que a Microsoft não vai impedir que os consumidores que usam o sistema ilegal façam a atualização. Estes também terão a oferta da atualização sendo mostrada em seus computadores normalmente.
 
Quem lembra?
Mas ao final do processo da instalação, uma marca d’água informando “Esta não é uma cópia genuína do Windows” será colocada na tela do PC — possivelmente sendo mostrada durante todo o tempo. Com isso, a empresa também mostrará links para a compra da licença legal por preços mais interessantes. As informações foram postadas por Terry Myerson (Vice-presidente de software) no blog da própria Microsoft.

Comentários

Postagens mais visitadas